Por que esperar um príncipe no cavalo branco?

 

Post 7

Na era dos antagonistas, os mocinhos tem estado na lista dos “sem graça”. Príncipe no cavalo branco então, ih, já era. E eu, com toda a ousadia e correndo o risco de ser chamada de careta, venho aqui para te dizer: Você deve sim esperar por um príncipe! Até porque, existe um, que tem um cavalo branco e que está ansioso para conquistar seu coração!

A Bíblia fala de um cavaleiro no cavalo branco, você sabia? Em Apocalipse 6:2 nós lemos:

“Olhei, e vi um cavalo branco. O seu cavaleiro tinha um arco, e foi-lhe dada uma coroa, e ele saiu vencendo, e para vencer.”

Esse cavaleiro tem um nome que você já deve ter ouvido. O nome dele é Jesus*!

Eu não tenho ideia se os príncipes dos contos de fada foram inspirados no cavaleiro no cavalo branco mas isso me fez perceber que sim, é um príncipe que você e eu devemos esperar e quer saber por quê? Porque, ás vezes, a vida nos faz desacreditar no amor verdadeiro. Isso soa brega hoje em dia e poucas são as pessoas que ainda acreditam que esse tipo de amor existe e eu entendo, entendo mesmo! Vivemos em uma época em que a fidelidade não é nada exaltada. É cobrada mas pouco praticada. A falta dela é usada como desculpa para se cometer mais infidelidade e a bola de neve só vai ficando maior e maior e o nosso padrão vai decaindo cada vez mais, já que né, “ele é assim mesmo” ou basicamente nos contentamos com o “melhor que temos para hoje”. Mas Jesus chega e nos apresenta o verdadeiro amor verdadeiro que nada tem a ver com o nosso conceito do que esse sentimento seja.

“O valor do príncipe não está em seu título real”

Com certeza você sabe que quem devemos esperar não são príncipes com título real terrestre mas quem sabe você acredite que se o “príncipe” tiver muitos bens de herança, uma posição social elevada e for bem bonitinho, tanto melhor. Pois é, não é bem isso que devemos ter em mente. Não estou dizendo que homens ricos e providos de beleza são “proibidos”, estou dizendo que se nossos olhos só enxergarem o exterior, o superficial, estaremos correndo um grande risco de entrar na lista dos desiludidos do amor. Como eu disse anteriormente, a atitude das pessoas nos dias atuais já faz isso por nós mesmo que nunca tenhamos estado em nenhum relacionamento. Então, como encontrar o príncipe certo? Primeiro de tudo, ele precisa MESMO ser um príncipe. E quem são os únicos que podem receber título de príncipe? Os filhos de um rei!

“O seu príncipe é filho do Rei dos Reis”

Jesus, nosso cavaleiro do cavalo branco, deve ser o primeiro a receber nosso coração sem reservas! Meninas, entendam, nunca encontraremos alívio para todas as nossas necessidades em outro ser humano. Eu não sei vocês mas eu tenho uma grande amizade com a minha mãe e conversar com ela alivia e muito os pesos que eu carrego no coração, mas eu sei que ela é limitada, assim como eu. Então, além de contar para a minha mãe, no meu momento com Deus conto tudo a Ele também porque eu sei que Ele é o único que pode realmente aliviar o meu fardo e trocar pelo dEle, que é leve! Nada de errado em compartilhar nossa vida e momentos com outra pessoa mas existirão momentos que só Deus poderá suprir o que nos falta e se nós não entendermos isso e cobrarmos do outro algo que ele não pode nos dar, então teremos um sério problema relacionado a frustrações

Jesus deve ser o primeiro em nossas vidas. Se nosso coração for dele e Ele for suficiente para nós, então não teremos medo de para sempre nos sentir vazias como nos sentimos algumas vezes. Nós descobriremos um amor que não pensávamos ser possível existir mas que existe e está a tua disposição!

“O seu príncipe é filho do Rei dos Reis e tem sido treinado na corte real”

Muitas vezes nós nos sentimos sem referência, certo? Eu me sinto assim muitas vezes. Quando paramos e analisamos a vida, algumas vezes nos damos conta de que nunca conhecemos alguém que nos tratasse de maneira correta, com respeito por quem somos e de Quem somos. Infelizmente me dei conta de que nunca fui tratada assim nem mesmo por meu pai e quando carregamos alguns traumas ou experiências decepcionantes, tendemos a perder a esperança e algumas vezes, baixamos o padrão. Passamos a acreditar que “todos os homens são iguais” e que em comparação com outros “aquele ali nem é tão ruim assim” e nos acomodamos, nos acovardamos e entregamos nosso coração para o primeiro que passa nos tratando com um pouquinho mais de decência do que estamos acostumadas e então descobrimos que na verdade encontramos um sapo já que fizemos escolhas precipitadas na ânsia de preencher um vazio que devia estar sendo preenchido por Cristo. Não façam isso garotas!

 

Tenho certeza que Jesus tem vários príncipes em treinamento, de todas as idades! Príncipes que estão focados em ser mais como Jesus e esse é o tipo de príncipe que você deve esperar! Príncipes que assim como o cavaleiro no cavalo branco tem como objetivo vencer a batalha contra as más influências deformadoras de caráter porque estão alicerçados na Rocha e buscam mais do que simplesmente um nome para sua lista de conquista, um corpo ou rosto bonito, eles buscam Jesus! Eles irão buscar Jesus em vocês e eles encontrarão? Bem, se você entregou seu coração para que Jesus tome conta, ele não vai somente encontrar Jesus em você como terá que ir atrás dEle para conquistar seu coração! A experiência cristã de vocês dois será somada e depois multiplicada!

Lembrete importante: Isso não quer dizer que seu príncipe não terá defeitos. Ele está em treinamento, se lembra? E enquanto estivermos nessa Terra estaremos sempre em treinamento mas de forma progressiva, estaremos sempre avançando, sendo aperfeiçoados por nosso Rei. E aí se encontra a diferença daquele príncipe que desejamos para aqueles que parecem estar sendo produzidos em série no mundo de hoje: O treinador. Em quem seu namorado se espelha? Em Jesus? Ou num amigo, ídolo, estilo de vida? Quando um homem olha para Jesus e consegue enxergá-lo como exemplo vivo e inspiração, que grande homem teremos! Um homem que se lembrará do que está escrito em Efésios 5:25: “Maridos, amem suas mulheres, assim como Cristo amou a igreja e entregou-se a si mesmo por ela”.  Ele será um homem que saberá o real valor que você tem, ele saberá que você vale a vida do Filho de Deus e saberá te tratar da forma que você merece.

Meninas, não se contentem com o que o mundo tem a oferecer porque você está se sentindo muito solitária, muito cansada de esperar, acha que não existem homens como esse que eu descrevi ou então que Deus é ocupado demais para se preocupar com a sua vida amorosa. Se você procurar o que o mundo tem a oferecer, encontrará e normalmente vem em uma caixa linda de interior vazio. Homens preocupados em ser aquilo que Jesus espera deles existem e adivinhem o que eles estão esperando? Mulheres que façam de Jesus o primeiro em suas vidas também! Deus tem uma maneira linda de unir pessoas com o mesmo propósito de vida! Você é muito preciosa para Deus para que Ele simplesmente te entregue nas mãos da pessoa errada e é uma bendita segurança saber que Deus se preocupa comigo a ponto de me unir ao homem que Ele escolheu pra mim.

Eu tenho um desafio para você! Não é dos fáceis mas é daqueles que trazem bençãos!

Porque você não entrega o seu coração a Jesus hoje, pede a Ele que cuide com todo o amor do mundo (Ele sabe fazer isso maravilhosamente bem!) e pede também que Ele só o entregue para o homem que Ele preparou para você?

Isso inclui não tirar o coração da mão de Jesus e dar para o primeiro homem que te interessar. É ELE quem está escolhendo, se lembra? E muitas vezes nosso coração é enganoso. Então, nada de tirar da mão dEle, é trapaça! 😛

Quando entregamos o coração a Deus buscamos a direção dEle em todo o momento. Passamos a orar por aquele homem que Ele separou para nós todos os dias, buscando pensar nele como alguém real (já que ele é mesmo!) e em como nossas ações hoje afetarão a vida dele no futuro. Também buscamos a ajuda de Deus para não entregar nossos pensamentos a ninguém precipitadamente, o que não é uma tarefa fácil mas vamos nos lembrar de que estamos sendo cuidadas por nosso Pai Celestial e Ele nos ama mais que o suficiente para nos dar a paz interior que necessitamos para saber esperar por aquele príncipe que ele tem para nós.

Meninas, todo esse papo de príncipe pode parecer bem infantil, não é? Estamos desacostumadas MESMO a esse conceito e acredito que seja pelo fato de relacionarmos o título príncipe com o adjetivo perfeito e a verdade é que nunca encontraremos essas duas qualidades aqui na Terra mas a encontraremos no Céu! E quando um homem tem relacionamento com o Rei, o Criador dos céus e da Terra, ele passa a ser cada vez mais parecido com esse Rei. Acredite, os príncipes existem. Deseje um. Ore por ele. Peça a Deus que o traga para você. Lembre-se: O tempo de Deus não é o nosso tempo. Não desanime se demorar, dê uma passada nessa postagem e entenda que Deus faz tudo de maneira perfeita, Ele está protegendo o tesouro que seu coração é e Ele o entregará para aquele que Ele separou para você na hora certa. Deus nunca se atrasa!

*Postagem sobre os setes selos e os cavaleiros do Apocalipse: 

http://www.criacionismo.com.br/2008/05/desvendando-o-apocalipse-os-sete-selos.html

O meu Deus versus o “Deus dos outros”

 

Post 6

Você já se decepcionou com o “Deus dos outros”? Isso já prejudicou o seu relacionamento com o seu Deus? Pois é, já prejudicou o meu!

Não nego, de certa forma isso mostra como eu estava com a visão fraca. Mas afirmo, nossas atitudes podem influenciar tanto para o bem quanto para o mal a vida espiritual daqueles que nos cercam.

Quando algumas situações ruins acontecem e então pensamos: “Como uma pessoa que diz amar a Deus pode fazer coisas assim?” passamos muitas vezes a olhar para Deus, o Deus que a pessoa diz servir e que é o mesmo Deus que nós servimos e nossa vida espiritual decai uns tantos por cento.

O fato é que não devemos olhar a Deus pela perspectiva e vida dos outros. Quando olhamos para outros cristãos esperamos ver Deus mas nem sempre O encontramos. Mesmo quando essas pessoas dizem adorá-lo e amá-lo. O que acontece é que muitos, a partir desse contato superficial com cristãos superficiais pensam que Deus é como essas pessoas e dão as costas, decepcionados com esse Deus que tem filhos tão desprezíveis e que deve ser como eles. Mas não, não, não! Isso não é verdade!

Recentemente me peguei tendo a minha vida espiritual prejudicada por situações complicadas na igreja; por olhar outros seres humanos, há tanto tempo em contato com a verdade divina, tão pouco transformados. Mas sabe aquela atitude que as pessoas tem de achar que “crente é tudo igual”, conheceu um, conheceu todos? Pois é, essa é a generalização mais péssima que pode existir! Pior ainda é acharmos que nosso Deus é como as pessoas que conhecemos porque Ele não é!

“Olhe para Deus e não para seres humanos”

Quando estamos em uma instituição religiosa vamos estar envolvidos com pessoas e nosso maior erro sempre será olhar para a vida dos outros. “Mas por que eles não mudam?” Bom, isso é com Deus e eles. Você já experimentou orar por essas pessoas? Quem sabe Deus esteja precisando mudar a nossa visão também para que ao olharmos para eles nós vejamos seres humanos pecadores como nós, que estão lutando contra sua natureza terrível e que precisam de nossa oração mais do que nunca!

Essa é uma atitude necessária mas difícil de ser tomada, eu sei bem. Olharmos para o próximo e lembrarmos quem é o verdadeiro inimigo e sabermos que não são eles mas sim aquele que rouba e destrói e que adora roubar e destruir nossa paz e atrapalhar nossa vida, principalmente a espiritual. Talvez aquela pessoa que tem sido uma pedra de tropeço em sua vida nem saiba disso, não faça nem ideia que as atitudes dela estão te prejudicando e nesse momento a oração entra. Quando estivermos mais fortes espiritualmente, reconhecendo que talvez também podemos atrapalhar outros, nós quem sabe até poderemos conversar com essas pessoas, abrir nosso coração e dizer aquilo que tem nos incomodado.

“Seu próprio relacionamento com Deus reforçado a cada dia”

Para que nosso Deus nunca seja o “Deus dos outros” é preciso que Ele seja nosso maior conhecido. Nós precisamos ter o nosso relacionamento com Deus firmado na Palavra, na oração e no firme conhecimento de Seu caráter. Só assim nós não correremos o risco de sonhar em culpar a pessoa errada.

Precisamos lembrar: Somos perfeitos? Não, claro que não. Por que cobrar perfeição do próximo?  Tudo começa com o nosso reconhecimento do nosso próprio erro, da nossa própria natureza acostumada ao pecado e que vive em conflito com a nova natureza que Cristo quer que tenhamos.

Mas com grande luta, com o reconhecimento das nossas fraquezas podemos pedir a Deus que nos mude e nos molde. Tudo o que essas pessoas precisam é da mesma humildade que nós precisamos para admitir que Deus sabe melhor que nós e que só Ele tem o poder de nos mudar de verdade. Ore por você, pela sua mudança e pela mudança do próximo. Quando nos afastamos de Deus por causa de outras pessoas estamos apenas deixando com que o inimigo vença uma batalha, mostrando que nossa amizade com Deus não era tão forte assim. Vamos deixar isso acontecer? Espero que não, que nunca!

Minha oração é para que acima de tudo nenhum de nós seja aquele que prejudica a vida espiritual do próximo. Que entre nós reine o firme propósito de fazer a vontade de nosso Deus e nos submeter a Ele para que sejamos novas criaturas. Ser nova criatura é ajudar o próximo, é entendê-lo e nunca, jamais, usá-lo como desculpa para justificarmos a fraqueza da nossa fé.

Que a sua e a minha fé sejam inabaláveis, que ninguém venha e nos queira roubar o relacionamento com nosso Deus porque esse é o maior tesouro que temos. Então fique firme! Nosso Deus é puro amor e graça e no momento certo essa graça e amor inundará os corações sinceros e os transformará!

“Sejam completamente humildes e dóceis, e sejam pacientes, suportando uns aos outros com amor. Façam todo o esforço para conservar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz. Há um só corpo e um só Espírito, assim como a esperança para a qual vocês foram chamados é uma só; há um só Senhor, uma só fé, um só batismo, um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos, por meio de todos e em todos.” Efésios 4:2-6

 

 

Esperar e ser feliz? Dá sim!

 

Post 5

Esperar não é fácil. Eu diria que saber esperar é uma arte. Nós vivemos nesse mundo caótico em que tudo acontece rápido demais, o tempo todo. E como esperar quando algo não acontece instantaneamente? Como aprender essa arte? Como voltar e desaprender o que o mundo tecnológico nos ensinou? Como colocar na nossa cabeça que Deus não trabalha da mesma maneira e que tudo tem um “propósito debaixo do céu”?

Eclesiastes 3:1-8 fala do tempo. Fala que há um tempo determinado para cada fase da nossa vida. O tempo de alegrar-se, amar, dançar são tempos maravilhosos! Mas existem os tempos ruins e existem os tempos de espera. Tempos em que o silêncio parece ser o único som que ouvimos. O nada. E o que fazemos? Nos desesperamos só para perceber que se desesperar não adianta nada. Portanto, para que serve a ansiedade? Ela vai adiantar 1 hora aquilo que deve chegar no tempo de Deus? Acredito que não…

Muito se fala no tempo de espera e então você escuta muito que deve confiar em Deus e esperar, apenas esperar com confiança. Mas eu te desafio a ir além!

Esperar com confiança faz parte e é muito importante mas essa não é uma atitude um tanto quanto passiva? Você fica apenas parada esperando que algo aconteça no tempo em que Deus determinou que aconteça e para por aí. Assisti um vídeo há alguns dias sobre “esperar com qualidade” e eu pensei: “Ok mas o que seria esperar com qualidade?” Na verdade eu já tinha essa resposta e eu esperava que o vídeo trouxesse essa mesma visão porque eu acredito que é muito importante, é como fazer todo o tempo de espera ser o tempo mais produtivo de sua vida!

Tempo de espera = Tempo de Deus

Não estou te dizendo que é fácil mas eu descobri que o tempo de espera não pode e nem deve ser desperdiçado no aguardo de receber aquilo que se pediu a Deus. O tempo de espera é o melhor tempo que existe para estreitar os laços com seu Criador. Oramos por aquilo que necessitamos mas nós conhecemos de verdade a Pessoa para quem estamos pedindo?

Eu descobri que Deus nos faz promessas maravilhosas em sua Palavra e sabe, isso só é possível passando tempo com Ele! Muitas pessoas podem achar a Bíblia difícil demais de ler e eu era uma dessas pessoas. Eu não conseguia ir em frente com o ano bíblico que eu começava e me sentia frustrada porque eu estava lendo por obrigação. Mas então, de forma milagrosa e embalada em graça, Deus abriu a minha mente para entender o que realmente estava escrito naquelas histórias que eu estava lendo e NOSSA! Como eu não li isso antes? Esse, como nós sabemos, é um trabalho do Espírito Santo. Ele revela Deus a nós e nos possibilita enxergar coisas na Palavra dEle que não enxergaríamos se não estivéssemos com o coração desejoso de verdade de conhecer o nosso Pai.

Uma dica que eu acho importante é:
Se por acaso a linguagem da Bíblia da tradução João Ferreira de Almeida estiver muito difícil, que tal tentar a Nova Tradução na Linguagem de Hoje? Ou a Nova Versão Internacional? Com uma linguagem mais atual, quem sabe fique ainda mais fácil e inspirador ler a Bíblia!

Mas sabe que para mim tudo começou aqui na internet mesmo? Sou super fã do Pinterest. E sou super fã de ler frases inspiradoras. Acho que a maioria de nós é, não é? Até que junto com frases inspiradoras começaram a surgir versículos da Bíblia no meu feed e eu comecei a encontrar essas promessas e mais promessas e eu fiquei tão encantada com tudo aquilo que eu tava lendo! Eu corro muitas vezes para a minha Bíblia e passo a caneta marca texto para não ter perigo de passar batido aquele versículo lindo a próxima vez que eu passar por aquela página e então me lembrar de novo do que meu Deus prometeu a mim, de como Ele é, do quanto Ele me ama e da maravilha que é amar e ser amada por esse Deus!

Ler a Bíblia + Ouvir música que fale de Deus.

Deus moldou meu gosto musical aos poucos antes de moldá-lo completamente. De emo na adolescência, ouvindo músicas tristes para ficar mais triste, eu comecei, na juventude, a apreciar músicas mais calmas, que não falassem tanto de desventuras amorosas e do quanto nós sofremos mas sim da vida e de bons sentimentos. Passei a apreciar o folk e eu achava que já era maravilhoso estar ouvindo músicas mais “saudáveis”. Mas então eu assisto a uma pregação sobre música e me dou conta do fato de que, tudo bem, a música pode nem ser tão ruim assim mas para quem ela foi feita? Artistas, em sua maioria, querem mais e mais fama, mais e mais dinheiro e é para Deus que eles fazem sua música? Provavelmente não. E essa pregação me fez pensar que tipo de música eu estava botando pra tocar. Com certeza não eram músicas que engrandeciam o nome do meu Deus. Então, para que ouvir?

Deus então fez algo que eu considero maravilhoso. Do nada eu encontrei muitas bandas cristãs (internacionais) que tocavam folk e imagina só, para Deus! Eu descobri um mundo totalmente novo, de músicas totalmente novas, que engrandeciam o nome de Deus e falavam do quanto Ele é maravilhoso e das maravilhas que Ele pode fazer em nossas vidas. Escutar apenas música cristã me ajudou – e ajuda – a me aproximar muito de Deus. Muitas vezes ouvimos uma música que fala exatamente daquilo que temos sentido. Por muitas vezes eu me abri para Deus em momentos que ouvi essas músicas e pude ser confortada e ter meus sentimentos curados por esse Pai maravilhoso.

Ouvir música secular é algo que todos nós fazemos ou já fizemos e eu sei, pode parecer loucura só ouvir música cristã. Quando uma ideia parecida com essa foi apresentada a mim na adolescência eu achei terrível! Mas eu não tinha a cabeça que eu tenho hoje. Hoje eu enxergo que a maioria das músicas seculares que ouvimos serve apenas para inflar o nosso ego. Tudo passa a ser sobre nós e nossos sentimentos, sejam eles quais forem. Essa, eu descobri, é uma forma e tanto de ser egoísta e só pensar em si mesmo e na maneira como se sente. Se já não sou eu quem vive mas Cristo vive em mim, qual o motivo de ouvir essas músicas? Eu quero mais é ouvir músicas que falem do meu Deus, que engrandeçam seu nome e que falem dos meus sentimentos sim mas aqueles espirituais, das batalhas espirituais que travamos e de como podemos ser vencedores dessas batalhas para que as lutas da vida nesse mundo sejam conquistadas de forma mais simples e fácil porque é Deus quem nos dirige os passos.

Bíblia + Boa música + Aprendizado

Sabe outra coisa que você pode fazer enquanto espera? Aprender! Aprender tudo aquilo que você ainda não sabe! Por exemplo, se você estiver querendo ir bem em uma prova, você precisa estudar, certo? Não adianta irmos enfrentar algo novo sem preparo. Digamos então que você esteja orando a Deus por aquela pessoa especial que Ele separou para você. Você deve estar pensando em casamento mas você já sabe cozinhar? Sabe fazer compras, cuidar das contas? Esse é o tempo ideal para você se especializar naquilo que você precisa saber para que quando a sua tão sonhada benção chegar, você esteja preparada! Você já parou para pensar que a benção pode estar demorando um pouquinho mais porque simplesmente você ainda não está preparada psicologicamente ou espiritualmente para recebê-la? Eu penso muito nisso! Se estivermos despreparadas, podemos estragar tudo. Por isso o tempo de espera é especial! Deus nos molda. Ele quer nos moldar, nos fazer mais parecido com Jesus e nós só poderemos ser mais parecidos com Ele se passarmos tempo com Ele!

Você alguma vez já passou muito tempo em um lugar em que as pessoas tem um sotaque diferente e de repente se pegou falando como eles? O sotaque se incorpora, as expressões usadas por eles passam a ser usadas por você e você nem percebe isso, quando vê, aconteceu! Com Jesus é a mesma coisa! Quanto mais tempo passarmos com Ele, aprendendo dEle, mais parecidos com Ele seremos. Quanto mais nos parecermos com Jesus, mais preparados estaremos para aproveitar ao máximo as bençãos que Ele nos preparou!

E você? Espera o que?

Cada um de nós espera por algo diferente. Creio que todos nós esperamos pelo momento de viver ao lado de Jesus. Essa vida é uma fase, fase em que vamos ter que esperar por muitas coisas mas o tempo de espera não deve ser jogado fora. O tempo de espera é aquele momento tranquilo em que você pode se aproximar de Deus e conhecê-lo mais intimamente. É o momento em que você pode conhecer o seu melhor amigo pra sempre! Você quer mesmo perder esse tempo se lamentando por não ter o que deseja? Ou você quer decidir buscar a Deus e a sua justiça sabendo que todas as outras coisas serão acrescentadas? (Mateus 6:33)

Nosso Deus é um Deus que nos dá descanso mas nós precisamos querer descansar com Ele. Passar tempo com Deus é maravilhoso! Você já experimentou sentar ao pé da sua cama, imaginando Jesus ali do seu lado e contar para Ele tudo o que você tem sentido? Tudo que seu coração tem sofrido? Ou ainda melhor, depois de ter passado por algo super legal, chegar em casa e contar pra Ele, tim-tim por tim-tim tudo o que aconteceu? Eu sei, Ele viu tudo mas Ele quer ouvir da sua boca. Vocês são amigos, lembra?

Não perca a chance de agradecer pela chuva enquanto o arco-íris ainda não apareceu! Não lamente os dias chuvosos, os dias de espera. Fique feliz com eles! Nem todos os dias serão fáceis e felizes mas se você buscar olhar de forma positiva e aproveitar para ser feliz com Deus, você vai ver que passou até mais rápido do que você imaginava e você ganhou o maior presente que poderia, a amizade do Criador do universo!

Você tem insistido o suficiente?

Post 3

Você conhece a parábola do juiz iníquo? Ela está em Lucas 18:1-8. Nessa parábola, Jesus fala sobre uma viúva que estava sempre recorrendo a um juiz, que não era temente a Deus, para que ele a socorresse numa causa contra o seu adversário, que desse um parecer favorável a ela. Aquele juiz não atentou ao pedido por um tempo mas de tanto ela insistir, ele então foi favorável ao seu pedido.

Essa parábola nos ensina duas coisas. A primeira é que não devemos confiar nossas petições para outros seres humanos. Eles são falhos (assim como nós) e se não forem tementes a Deus, dificilmente farão o que é correto. Segundo, devemos insistir em nossos pedidos através de nossas orações. E foi aí, bem aí, que essa parábola me ensinou algo muito valioso!

O motivo pelo qual eu quis escrever sobre isso é porque eu me preocupo que você, assim como eu era antes, acredite que se pedirmos a Deus o que nós precisamos – ou até queremos mesmo – apenas uma vez, já tá bom. “Eu já pedi uma vez, já entreguei nas mãos de Deus, não vou ficar orando por isso todos os dias”. Que engano! Quantas vezes nos encontramos em situações complicadas, situações que nos causam uma tensão e um desgaste mental tão grande que nem orar o suficiente por aquilo nós conseguimos?

Por uma coincidência eu estava passando por um situação bem parecida a da parábola. Para que fosse possível que a universidade onde eu estudava recebesse as parcelas das mensalidades pelo meu financiamento estudantil, foi necessário abrir uma ação judicial. Em todos os momentos eu sabia que meu caso estava nas mãos do meu Deus. Eu tinha duas opções. Continuar estudando, caso o juiz desse parecer favorável a extensão do financiamento ou parar de estudar, caso não. O problema é que por muito tempo fiquei na indecisão, sem pedir algo específico para Deus, esperando que Ele decidisse por mim. Eu não orava todos os dias por esse caso e o tempo foi passando e o parecer do juiz nunca chegava. Tudo o que eu sabia é que como entreguei nas mãos de Deus, Ele tinha que fazer o que fosse necessário para que a vontade dEle prevalecesse e talvez isso fosse demorado, então eu esperei. Mas depois de umas semanas eu percebi que tinha que me posicionar e pedir algo específico para Deus. Era difícil decidir entre estudar ou não já que me formar seria ótimo mas haviam outros problemas que dificultavam. Parar de estudar, mesmo parecendo a melhor opção já que eu queria me focar em fazer a vontade de Deus na cidade dos meus pais (eu estudava em Curitiba na época), me causava um pouco de medo já que eu já havia deixado a faculdade uma vez antes. Foi quando fiz esse “acordo” com Deus, não importava qual seria a decisão do juiz, nós não recorreríamos de nada, aceitaríamos o que ele dissesse até porque pedimos a Deus que a vontade dEle fosse feita.

A decisão veio em poucos dias depois disso e eu entendi. Se eu quero algo, eu devo pedir esse algo a Deus. Sem medo, sem receios, sabendo que Ele vai fazer o que for melhor para mim já que eu sempre peço que a vontade dEle prevaleça. Aí está um motivo para não termos medo de pedir aquilo que queremos. Deus pode dizer sim como pode dizer não mas a resposta que Ele dará será sempre a melhor!

Mas ainda havia o próximo passo. Só orar uma vez, entregar nas mãos dEle e deixar pra lá? Essa é uma lição que ainda estou aprendendo. Se precisamos de algo, precisamos perseverar em oração. Precisamos orar todos os dias por aquilo, com humildade, mostrando a Deus que dependemos dEle, que só Ele será capaz de nos dar aquilo que precisamos, muitas vezes um milagre, que não virá de outro lugar além do Céu.

Aquela viúva da parábola insistiu tanto com aquele juiz, que para não ser mais importunado por ela, ele fez o que ela queria. Deus, ao contrário do juiz, não faz o que nós pedimos porque não quer ser importunado mas porque nos ama. Se nós queremos algo de verdade, Ele quer saber, Ele quer que peçamos e que peçamos sempre. Isso demonstra que nós estamos ali, dependendo dEle e então Ele é movido por nossas petições.

 

“Exponham a sua causa”, diz o Senhor. – Isaías 41:21

 

Eu já disse em outra postagem que o Reino é daqueles que perseverarem e inclusive na oração. Nós sabemos que o tempo de Deus não é o nosso. Muitas pessoas oram anos e anos por algo ou alguém e muitas vezes morrem e não vêem aquele pedido ser atendido. Uma senhora orou muitos anos para que sua filha voltasse para os caminhos de Deus. Ela morreu e não viu a filha voltar mas a filha voltou. A oração daquela mãe foi ouvida e atendida, mesmo que ela não tenha visto. Orar por outras pessoas também deve ser de forma insistente. Há alguém em sua vida que você gostaria que conhecesse a Jesus como um amigo? Ou alguém que já o conheceu mas está longe dEle agora? Não deixe de orar! Ore todos os dias, ore com fervor, ore com intenção! Mostre a Deus que aquela pessoa é importante para você e importante para Ele. Deus nunca se esquece de nenhum de nós mas quando oramos por alguém damos permissão a Deus para tentar chamar aquela pessoa de volta através do Espírito Santo.

Oração é o nosso canal de comunicação com nosso Pai. Ele quer nos dar boas dádivas e é por isso que se existe algo que você precisa muito, não deixe de pedir e não peça de qualquer forma. Peça com intenção. Se coloque aos pés de Deus e diga o que você precisa, diga que confia nEle para fazer o melhor e peça que a vontade dEle seja feita. Ele não te abandona nunca. Ele não te deixa sem resposta e as respostas dEle sempre, sempre aumentam a nossa fé!

Confie, se entregue e espere por grandes coisas!

“Se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar e orar, buscar a minha face e se afastar dos seus maus caminhos, dos céus o ouvirei, perdoarei o seu pecado e curarei a sua terra.” – 2Crônicas 7:14

 

 

 

Verdades-Mentirosas, o engano.

Por que eu devo fazer isso? Já não tem alguém fazendo? E fazendo muito bem, por sinal. Qual é o ponto de eu levar isso adiante?”

Acredite, eu tirei essa frase da minha própria mente e uau, essas verdades são daquelas que batem na cara da gente e deixa a marca dos 5 dedos bem vermelhos. Elas são as “Verdades-Mentirosas” e como esses filmes de terror que tem várias sequências com seus “retornos”, essas trazem “enganos” que adoram nos assombrar!

 

 

Post 4

Verdade” #1

Por que eu devo fazer isso? Já não tem alguém fazendo?

Ah, a doce armadilha da comparação! Essa “verdade descarada” me pegou alguns dias atrás enquanto eu conhecia alguns blogs cristãos pela internet. Esse mundo de blogs cristãos é todo novo pra mim e eu na verdade só conheci 3 até agora. Depois dessa janelinha pop up intrometida abrir na minha mente e me fazer pensar qual o motivo, razão ou circunstância pela qual eu estava fazendo mais um blog eu comecei a racionalizar à luz da palavra de Deus me lembrando que quando Jesus pede que se faça discípulos de todas as nações (Mateus 28:19-20) Ele não pede apenas a um de seus discípulos, Ele pede a TODOS. Todos nós recebemos essa mesma grande comissão e um dos motivos é porque nem todos nós podemos estar em todos os lugares ao mesmo tempo. “Tá mas a internet é uma coisa totalmente diferente“. E é mesmo mas então me dei conta que muitas pessoas podem acabar encontrando meu blog por tal e tal motivo e demorar muito mais para encontrar outro blog cristão. Existe aí também a possibilidade de que não gostem da maneira como eu escrevo mas sim da maneira de outra blogueira escrever e se expressar e aí acontece a identificação que faz com que laços sejam criados e que cresçamos juntos!

“A comparação é a ladra da alegria”.

Se lembra quando Deus colocou um propósito no seu coração? Pois é, eu também me lembro quando Ele colocou o sonho desse blog no meu. Eu me lembro de cada etapa, desde a minha “cartinha”pra Ele explicando qual era a minha intenção desde as várias escolhas de nome até ter encontrado aquele que eu acreditava ser adequado e aprovado por meu Criador.

Comparar o seu trabalho ao de outra pessoa dificilmente te trará bons sentimentos. O que precisamos manter em mente é: “Somos únicos no mundo. Ninguém jamais poderá fazer aquilo que EU devo fazer“. É claro que Deus pode fazer tudo o que Ele faz sem a nossa ajuda. Se nós não estivermos dispostos, nos encolhermos, desistirmos do nosso propósito porque nos sentimos inferiores (ou seja, cheios de medo), Ele levantará outra pessoa para fazer em nosso lugar. O privilégio é nosso de fazer aquilo que Deus nos chamou para fazer.

Por isso se essa grande “verdade-mentirosa” já passou pela sua mente, jogue ela no lixo! Existem outras pessoas fazendo o que você faz? Lógico! Só por isso você deve desistir de fazer também? De forma nenhuma! Sua forma de fazer, seu chamado, eles são só seus! Voltando a racionalizar daquela forma de antes, parei e pensei: “Mas só existe uma cantora cristã no mundo?” E a resposta é óbvia! Apesar de todas cantarem muito bem, cada uma tem sua peculiaridade, suas próprias músicas (que outras pessoas provavelmente não fariam igual) e SEU PRÓPRIO CHAMADO! Abrace seu chamado e não deixe sua mente te convencer do contrário. Até porque nós sabemos quem coloca essas mentirinhas lá…

 

Pois é Deus quem produz em vós tanto o querer como o realizar, de acordo com sua boa vontade.” Filipenses 2:13

 

É tudo POR Ele e PARA Ele!

“Verdade” #2

“Olha pra você, uma completa fraude. Você acha mesmo que vai a algum lugar desse jeito? Você nem merece isso!”

De fato, nenhum de nós merece nada. Mas através do sacrifício de Jesus passamos a ser herdeiros de um Reino maravilhoso e da vida, e vida em abundância!

O quão patético é pra mim saber dessa verdade e mesmo assim me sentir uma completa fraude muitas vezes? É muito! Por favor, não seja como eu! Aliás, toda a minha intenção é que você também seja um(a) aprendiz do meu Criador. Mas nós somos fracos e mesmo conhecendo as muitas promessas que Deus nos faz, ainda nos sentimos tão, tão pequenos ás vezes que se nós deixarmos esses pensamentos soltos, eles são capazes de nos paralisar!

“Então ouvi uma forte voz dos céus, que dizia: ‘Agora veio a salvação, o poder e o Reino do nosso Deus, e a autoridade do seu Cristo, pois foi lançado fora o acusador dos nossos irmãos, que os acusa diante do nosso Deus, dia e noite'”.
Apocalipse 12:10

 

O “acusador dos nossos irmãos” nos acusa o tempo todo diante de nosso Deus e coloca em nossa mente mentiras como essas. “Você é uma fraude, você não merece nada, nunca vai mudar, nem adianta ficar aí tentando, orando, se esforçando, você não tem mais jeito“.

Por favor, apague isso com uma nova canção em sua mente que troque todas essas mentiras por verdades eternas! Nossos “pecados automáticos” desanimam. Eu fico muito desanimada quando mais uma vez cedo o controle das minhas emoções para outra pessoa e não sou capaz de agir da forma certa, da forma de Cristo. Isso me faz pensar no quanto “eu não tenho mais jeito” ou “no quanto isso é difícil e eu não aguento mais” mas por favor, olhe de novo! Nosso poder não reside em nós mesmos e vamos cair e levantar inúmeras vezes na nossa jornada de santificação mas o Reino é daquele que perseverar!

Cristo disse que estaria conosco até a consumação dos séculos no mesmo Mateus 28:20. Ele mandou seu Consolador, o Santo Espírito para que nós pudéssemos ser convencidos dos nossos pecados, nos arrependermos e então solicitar a Deus o poder para mudar tudo aquilo que O desagrada. Jesus nunca vai desistir de você, então porque você deveria? Se lembre quem é a verdadeira fraude. Quem engana e destrói. Se lembre que Jesus quer que você seja feliz. Ele não prometeu que seria tudo fácil, férias divertidas até o dia em que Ele voltar. Ele nos avisou que teríamos aflições mas ei, ele disse: “tende bom ânimo, pois eu venci o mundo!” Não se diminua. Não se menospreze. Não desista de você! Você vale a vida do filho de Deus e nEle é mais do que um vencedor!

“Contudo, em todas as coisas somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou.” – Romanos 8:37